Relatório da Organização Meteorológica Mundial afirma que impacto humano em desastres climáticos individuais é cada vez mais detectável; quinquênio 2011-2015 foi o mais quente

A estiagem levou o Rio Branco, principal do estado, ao menor nível já registrado. As colunas da Ponte dos Macuxi, em Boa Vista-RR, estão expostas por causa da estiagem | F5 Produções - Alex Barroso

por Claudio Angelo - Observatório do.Clima - de  Marrakesh

Os cientistas do clima sempre hesitam em atribuir eventos extremos individuais à tendência de aquecimento do planeta. Nesta terça-feira, a Organização Meteorológica Mundial tomou a dianteira. O órgão das Nações Unidas afirmou, num novo relatório, que mais de metade de um total de 79 eventos extremos registrados no mundo entre 2011 e 2015 foi parcialmente causada pelas mudanças climáticas ou teve seu risco aumentado por elas.

O relatório O Clima Global em 2011-2015, foi lançado durante a COP22, a conferência do clima de Marrakesh, no Marrocos. Ele afirma que os últi...

10 Nov 2016

Objetivo é chamar a atenção da população sobre a grave ameaça que representam as mudanças climáticas

Aproximadamente 600 pessoas caminharam hoje (9), em Brasília, pela 6ª Marcha Mundial do Clima, realizada simultaneamente em 100 países com o objetivo de chamar a atenção da população sobre "a grave ameaça que representam as mudanças climáticas" e pressionar os governantes. Segundo o professor Roberto Ferdinand, um dos coordenadores da marcha, o movimento possui três pautas globais.

A primeira é a democratização das informações sobre o clima. "A sociedade brasileira não tem a menor ideia do meio ambiente, ela não sabe nada sobre mudanças climáticas. Não há informação. A mídia tradicional é uma desgraça", afirma.

A segunda reivindicação é a redução da emissão de gases por parte dos Estados unidos, China, demais países ricos e grandes emissores que, segundo o pesquisador, é criminosa. "Cada um desses países emite 25% dos gases para o efeito estufa do mundo. Os Estados Unidos são o país com a...

Please reload

NOTICIAS RECENTES

Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

ORGANIZAÇÃO