Diariamente mais de 5.000 mil piscinas olímpicas de esgoto são despejadas sem tratamento no meio ambiente

January 19, 2020

O Instituto Trata Brasil  criou a ferramenta  "esgotômetro"  medidor da quantidade de esgoto que é despejado na natureza sem tratamento. 
 

 

O esgotômetro é um medidor da quantidade de esgoto que é despejado na natureza sem o devido tratamento e seus registros podem ser acessados a qualquer momento no site do Instituto Trata Brasil veja em http://esgotometro.tratabrasil.org.br/, conforme  suas medições, lamentavelmente, por dia são despejadas 5.639 piscinas olímpicas de excremento não tratado na natureza, comprometendo a saúde humana e do meio ambiente.


Embora a promoção dos serviços de saneamento básico seja responsabilidade do poder público, mais especificamente dos municípios, a população também pode contribuir de diferentes formas para que os dados acima deixem de ser uma realidade em nosso país.

 

A rede de esgoto é um sistema de canalização que recebe e transporta os resíduos líquidos de residências, comércio, indústrias ou qualquer outro estabelecimento até uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). Qualquer material sólido descartado nessa rede irá comprometer a eficiência do seu funcionamento e o entupimento da tubulação é o transtorno mais comum. Mudanças de hábitos e alguns cuidados simples são indicados para evitar esse problema como colocar ralos em pias, tanques e demais saídas de água do estabelecimento, recolher os cabelos que se acumulam no ralo do banheiro, separar o óleo de cozinha e colocá-lo junto à coleta seletiva ou levar em postos de reciclagem. Outra medida fundamental é nunca jogar nenhum objeto sólido nos vasos sanitários ou outras saídas de esgoto.


Outro ponto também importante é a necessidade de separar destinação de água pluvial e esgoto sanitário nas residências e comércios, a água da chuva deve ser escoada por ralos e calhas seguindo até às galerias pluviais, onde terão como destino córregos, rios e demais cursos d’água, quando redes pluviais são ligadas a rede de esgoto pode haver o entupimento das tubulações, devido ao acúmulo de lixo que a chuva pode carrear. De acordo como o Decreto Estadual nº 5916\75, todas as residências devem ter ligações separadas, ou seja, uma para esgoto e outra para águas pluviais.


O engajamento efetivo da população em ações que contribuam para os interesses da sua comunidade é conhecido como Participação Social e, considerando a relevância dos serviços de saneamento básico para a saúde e bem-estar da população e do meio ambiente, quanto mais os cidadãos participarem das decisões referentes a este setor, mais ganhos todos receberão. Colaborar com os Conselhos Municipais, audiências públicas  e utilizar os canais de ouvidorias das empresas ou setor públicos são alguns exemplos de Participação Social.

 

O cenário do saneamento básico no país é grave. Menos de 50% do esgoto é tratado no Brasil e isso impacta diretamente a saúde pública com a proliferação de doenças como leptospirose, disenteria bacteriana, esquistossomose, parasitoides entre outras” 

 

 

Please reload

Notícias recentes
Please reload

Procurar por tags
Please reload

ORGANIZAÇÃO